Sábado, 20 de Julho de 2024
22°

Parcialmente nublado

Belo Horizonte, MG

Especiais ESPECIAL SAÚDE

DOR, o drama de conviver com ela

Milhares de pessoas sofrem cotidianamente com dores diversas e, mesmo com os inegáveis avanços da medicina, não encontram solução

03/07/2024 às 10h54 Atualizada em 05/07/2024 às 10h47
Por: Gio Ahmad
Compartilhe:
Foto: Patricia Miranda - Divulgação
Foto: Patricia Miranda - Divulgação

Juiz de Fora, carinhosamente vista como Capital da Zona da Mata Mineira, próximo a divisa de MG e RJ, se notabiliza por incontáveis feitos. Para exemplificarmos alguns, ali construiu-se a primeira Usina Hidrelétrica da América Latina; o primeiro Grupo de Alcóolatras Anônimos (AA) em MG foi lá; a primeira Loja Maçônica do Estado também; e não se pode esquecer do ‘Pai do Plano Real’ – o Presidente Itamar Franco – embora baiano de nascimento foi criado desde o primeiro ano de vida na cidade, tendo inclusive iniciado seu legado político lá.

E, neste cenário de vanguarda e diversidade cultural, Juiz de Fora sempre fez história por revelar talentos. Dentre os mais recentes, destacamos a jovem Patricia Miranda – uma apaixonada pela Massoterapia!

Nascida em Conselheiro Lafaiete, região central do Estado, e atualmente radicada em Juiz de Fora, Patrícia nutre deste muito jovem uma vocação natural para ajudar as pessoas. E pensando nisso fez Faculdade de Direito, advogou por oito anos e, inicialmente até acreditava exercer sua vocação de ajudar as pessoas. Mas ainda não havia se encontrado, não era o que a completava.

Patricia Miranda - Divulgação

Eis que uma força divina trouxe o direcionamento – ela foi convidada a substituir uma Assistente de Massagem, em uma clínica. E a paixão veio no primeiro toque. No dia seguinte suspendeu seu OAB e passou a se dedicar integralmente à nova profissão.

Como profissional vocacionada, fez diversos cursos na área, mas foi no renomado Conceito de Allan Josefh que conseguiu se identificar com o que realmente almejava. Segundo Patrícia, “Esse Conceito não atua diretamente na dor, mas sim na causa da dor. Com base em conhecimentos anatômicos, associado às técnicas pontuais, atuo de forma individualizada, associando fatores ergonômicos, rotina, alimentação e condições emocionais”. E na busca incessante pelo conhecimento, ela completa “Consigo conciliar informações e proporcionar um atendimento totalmente focado em cada cliente”, eis o diferencial.

A exemplo do Direito, onde existem bancas especializadas nos mais diversos segmentos: Tributário, Cível, Família, Criminal, Internacional etc. Na Massoterapia há inúmeras vertentes, ou pode-se considerar especialidades. Patricia focou no tratamento das Dores diversas. Caminho decidido, buscou aprofundar nos estudos e consequentemente nos aprimoramentos, tendo São Paulo como referência para formação que alcançaria ao longo dos anos.

Seu consultório, situado em elegante edifício na região central de Juiz de Fora, rapidamente virou referência para quem luta contra Dores, e mesmo sendo submetido a renomados tratamentos, não conseguem resultados satisfatórios.

A reportagem do Blog do Gio, ciente dos feitos esplendorosos da Massoterapeuta, buscou conhecer o ‘Pulo do Gato’, e ela disse: “Ah! Não posso deixar de mencionar um grande segredo e o mais importante fator de meu trabalho, que é o amor. Amor incondicional em cada toque. E minha realização profissional vem, quando percebo a cada dia, que fiz a escolha certa, ao querer uma profissão que pudesse ajudar as pessoas”.

Sua fama, motivada por expressivos resultados com pacientes que sofriam dores atrozes por anos seguidos, já ultrapassou fronteiras, tendo ela feito temporadas de atendimentos na capital Paulista e em Miami na Florida/USA.

Nas próximas semanas, nossa Coluna Especial, trará artigos reveladores das várias modalidades de tratamentos ofertados pela especialista. Aguardem...

Serviço: @patriciamirandapm/

Por Gio Ahmad.’. – Jornalista Profissional (DRT 181/76 MG), Publisher/Editor deste portal de notícias, hoteleiro e também empresário no Mercado Imobiliário.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias