Sábado, 20 de Julho de 2024
22°

Parcialmente nublado

Belo Horizonte, MG

Mercado Imobiliário CONDOMÍNIOS

Gestão condominial cresce R$ 61 bilhões, mas apresenta problemas

Dados do IBGE, indicam que mais de 25 milhões de brasileiros residem em apartamentos, o que representa 12,5% da população do país

28/06/2024 às 16h40 Atualizada em 28/06/2024 às 16h48
Por: Gio Ahmad
Compartilhe:
Foto: Marcelo Assunção, CEO da Cia, Créditos ABC da Comunicação
Foto: Marcelo Assunção, CEO da Cia, Créditos ABC da Comunicação

A carreira de síndico profissional está em ascensão no Brasil, impulsionada pelo aumento significativo da população que vive em condomínios. Dados do IBGE de 2022, indicam que mais de 25 milhões de brasileiros residem em apartamentos, o que representa 12,5% da população do país. Entre 2000 e 2010, a quantidade de moradores em apartamentos passou de 7,6% para 8,5%, e em 2022, esse número subiu para 12,5%, um aumento de 4 pontos percentuais nos últimos 12 anos.

A cidade de São Paulo, por exemplo, ganhou mais de 400 mil apartamentos nesse período. O Sudeste é a região onde mais se vive em apartamentos, com 16,7% da população, enquanto o Norte é a região com menos pessoas nessa condição, com apenas 5,2%.

Este crescimento reflete-se em uma arrecadação superior a R$ 61 bilhões, impondo uma grande responsabilidade financeira e patrimonial aos síndicos. Com a crescente complexidade das exigências legais e a demanda por maior transparência e eficiência na gestão, a procura por síndicos têm aumentado. Esses profissionais, regidos pelo Art. 1.347 do Código Civil, são responsáveis por uma ampla gama de tarefas, incluindo manutenção do patrimônio, gestão financeira, segurança e cumprimento das normas técnicas e legais.

No entanto, a gestão condominial no Brasil enfrenta desafios significativos. A ausência de uma administração baseada em princípios científicos resulta em problemas de governança, supervisão inadequada de serviços, gestão ineficaz de processos e contratação de pessoal desqualificado. Esses problemas não só elevam os custos operacionais como também prejudicam a qualidade de vida dos moradores.

Para enfrentar esses desafios, muitos síndicos estão formalizando suas atividades com o apoio de empresas prestadoras de serviços de sindicatura, registradas nos Conselhos Regionais de Administração (CRAs). Este movimento é respaldado pelo Parecer Técnico nº 1/2023 do Conselho Federal de Administração (CFA) e pelo parecer jurídico do advogado Cristiano de Souza Oliveira, que reforçam a obrigatoriedade do registro nos CRAs para garantir a qualidade e legalidade dos serviços prestados.

Especialistas apontam a importância de um planejamento financeiro adequado e o uso de tecnologias inovadoras para aprimorar a gestão condominial. "A importância de um bom planejamento financeiro para condomínios transcende a mera contabilidade. Ele representa a promessa de uma gestão transparente e eficiente, capaz de lidar com desafios e imprevistos," afirma Osmir Carlos, CFO da WohPag. "As fintechs oferecem soluções inovadoras para fortalecer a estabilidade financeira, garantindo um ambiente próspero para todos."

Marcelo Assunção, CEO da WohPag, destaca o papel das fintechs na gestão condominial: "As inovações tecnológicas, associadas ao cenário de responsabilidades crescentes dos gestores condominiais, reforçam o papel dos bancos digitais na busca por um ambiente de negócios transparente e confiável. No mercado imobiliário, já existem fintechs dedicadas a garantir e apoiar a gestão dos saldos condominiais."

Embora os desafios sejam grandes, a profissionalização da gestão condominial representa um avanço essencial para atender às complexas demandas legais e de qualidade dos moradores. Com a adoção de boas práticas de administração e o apoio de tecnologias avançadas, espera-se que os condomínios no Brasil possam desfrutar de uma gestão mais eficiente e transparente, garantindo a valorização do patrimônio e a satisfação dos condôminos.

Sobre a WohPag

A WohPag é referência em soluções financeiras para as administradoras de condomínios. É uma instituição de pagamentos que disponibiliza serviços inovadores e facilidades financeiras, reduzindo custos, agilizando transações e melhorando a performance. Seus principais serviços são: individualização de contas digitais; cash-in: emissão de boletos; cash-out: liquidação de pagamentos; cartões: saque e débito: inadimplência zero, linhas de crédito personalizadas, antecipação de recebíveis.

Serviço: https://wohpag.com.br/

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias