Sexta, 14 de Junho de 2024
22°

Tempo limpo

Belo Horizonte, MG

Gastronomia Evento singular

Bulldog organiza degustação de Charutos para casais no Dia dos Namorados

A ideia é celebrar o dia mais romântico do ano com experiência compartilhada

05/06/2024 às 11h14 Atualizada em 06/06/2024 às 09h06
Por: Gio Ahmad
Compartilhe:
Foto: Degustação de Charutos para casais no Dia dos Namorados - Créditos de Carolina Macedo
Foto: Degustação de Charutos para casais no Dia dos Namorados - Créditos de Carolina Macedo

Com a aproximação do Dia dos Namorados, surge a oportunidade ideal para criar memórias inesquecíveis com a pessoa amada. Ao invés de optar pelos presentes tradicionais, especialista sugere uma nova forma de comemoração: compartilhar experiências.

Presentes de vivência vêm ganhando cada vez mais os olhos e o coração dos que adoram inovar. Uma dessas experiências pode ser a degustação de um charuto juntos, transformando o momento em algo inesquecível.

Acender um charuto ao pôr do sol ao lado de alguém especial, pode transformar a degustação em algo mais profundo, ter alguém ao seu lado que saiba compartilhar esses momentos é realmente especial”, comenta Carolina Macedo, sócia da Bulldog Tabacaria, sediada de Curitiba (PR).

Do ponto de vista técnico, cada puxada que damos em um charuto é uma degustação única. “Quanto mais prática, estudo e atenção você tem, mais fácil é perceber as nuances que vão além dos terços do charuto”, explica ela, que é cigar sommelière.

Carolina explica que o controle da temperatura está diretamente ligado ao ritmo de degustação e ao tempo que o charuto descansa no cinzeiro. Além disso, a saliva de cada pessoa influencia a percepção dos sabores.

Compartilhar um charuto pode alterar esse ritmo, o tempo de queima e, consequentemente, comprometer as nuances de sua evolução. Mas essa não é a história completa. O Dia dos Namorados é a ocasião perfeita para criar e compartilhar esse momento especial.

Análises técnicas e degustações focadas no produto têm seu valor e momento apropriado. Uma degustação às cegas, por exemplo, jamais seria a mesma se o puro fosse compartilhado. No entanto, para mim, compartilhar um charuto está ligado ao momento e à experiência emocional”, frisa ela.

Se você e sua cara metade são apreciadores de charutos, compartilhar um pode ser uma experiência memorável. “Claro, cada um com seu charuto torna a experiência técnica da degustação mais rica, mas não se prenda a regras quando o objetivo é viver um bom momento”, convida a cigar sommelière.

Serviço: https://bulldogtabacaria.com.br ou WhatsApp (41) 9 8736 3251.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias